Criando uma rotina

Mais importante do que começar é continuar

Ontem foi o meu segundo dia de exercício. Fiz novamente a distância de 3 km porém com um tempo muito maior. Nesta fase de retorno isso não me preocupa porque não quero usar tempo como uma meta. O que eu quero dizer é que iniciar uma rotina é algo desafiador.

Ainda não estabeleci metas para o longo prazo, porém estou refletindo sobre o que irei me desafiar a fazer. No passado eu completei a santíssima trindade das provas de corrida de asfalto (10, 21 e 42 km), sem contar inúmeras outras distâncias. Hoje olhar distâncias maiores que os seis quilômetros (quase sete!!!) que já corri essa semana é algo que não me assusta mas me desafia.

É bem engraçado ter uma base como eu tive entre 2014 e 2018, com metas definidas e atividades programadas e estar agora a vontade. Sem ter que mostrar resultados para ninguém e não ter uma rotina fixa.

É libertador poder escolher o que fazer. Claro que compreendo e valorizo o papel de ter um treinador físico e de ter um suporte com rotinas de fortalecimento muscular. Porém neste momento eu estou fazendo algo que nunca consegui fazer com a corrida. Estou encarando como uma descarga de adrenalina para poder relaxar.

A corrida, para mim, agora é um momento de paz e alegria. Colocar metas em felicidade e alegria não são indicadas para esse momento.

Vamos em frente!

Com certeza tenho muito mais para compartilhar aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s